Jackpot Fishing

Jackpot Fishing - Hapvida (HAPV3) registra lucro líquido ajustado de R$ 221,6 mi no 2º tri, queda de 8% na comparação anual 

A receita líquida subiu 12,4% na comparação anual, indo de R$ 6,08 bilhões para R$ 6,84 bilhões

Equipe Jackpot Fishing

Publicidade

A Hapvida (HAPV3) registrou lucro líquido ajustado de R$ 221,6 milhões no segundo trimestre, uma queda de 8% na comparação ano a ano, informou a empresa nesta quarta-feira.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado foi de R$ 606,2 milhões, avanço de 4,1% ano a ano.

A receita líquida subiu 12,4% na comparação anual, indo de R$ 6,08 bilhões para R$ 6,84 bilhões, beneficiada pelo crescimento da linha de negócio de planos de saúde, resultado da estratégia de reajuste e recomposição de margem apesar da redução do número de beneficiários.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

No 2T23, a receita de Planos de Saúde totalizou R$ 6,6 bilhões, um crescimento de 14,8% em relação ao 2T22. Esse crescimento é resultado do aumento de 1,2% no número de beneficiários em planos de saúde, passando de 8,9 milhões para 9,0 milhões e ticket médio mensal consolidado variando de R$ 218,4 para R$ 245,0, apontou.

No 2T23, a empresa apresentou uma redução líquida de 116 mil beneficiários em planos de saúde em relação ao 1T23.

Saiba mais:

Continua depois da publicidade

Confira o calendário de resultados do 2º trimestre de 2023 da Bolsa brasileira

O que esperar da temporada de resultados do 2º trimestre? Confira ações e setores para ficar de olho

“Dentre os principais aspectos que impactaram o trimestre, destacamos: ▪ adição de 380 mil beneficiários, fruto da manutenção dos patamares de vendas brutas; ▪ redução de 470 mil beneficiários refletindo o aumento da inadimplência, um ambiente macroeconômico desafiador e a redução de contratos deficitários; e ▪ perda líquida de 26 mil beneficiários devido ao turnover negativo (demissões e admissões líquidas em contratos corporativos existentes), apresentando um menor patamar em relação a 1T23”, aponta.

Ao final do 2T23, a Hapvida possuía 481,6 mil beneficiários em produtos de livre escolha (PPO), uma redução líquida de 9,5 mil em comparação com o 1T23.

No 2T23, a sinistralidade caixa (que exclui D&A, Peona e Provisão SUS) foi de 73,9%, um aumento de 1,6 p.p. tanto na comparação com o 2T22 quanto com o 1T23.

A companhia teve “aumento da sinistralidade em patamar inferior à sazonalidade histórica e queda nominal das despesas administrativas e de vendas. Esse resultado reflete a estratégia de recomposição de tickets e implementação das iniciativas de integração e verticalização”, apontou a Hapvida em release de resultados.

No 2T23, a companhia contava com 85 hospitais, 77 unidades de pronto atendimento, 331 clínicas e 271 unidades de diagnóstico por imagem e coleta laboratorial, totalizando assim 764 pontos de atendimento próprios acessíveis aos nossos beneficiários em todas as cinco regiões do país, apontou a empresa.

No 2T23, a companhia atingiu R$ 5,3 bilhões de Dívida Líquida (1,61 vez em relação ao Ebitda), frente a R$ 7,5 bilhões (2,32 vezes o Ebitda) no 1T23, principalmente pelo recebimentos de (i) R$ 1,2 bilhão da operação de Sales & Leaseback e (ii) R$ 1,0 bilhão da captação líquida do Follow-on.

Jackpot Fishing Mapa do site